Procurar: em:


 
Voltar
Álvaro Reis
 

O Maestro ÁLVARO MANUEL VICENTE DOS REIS nasceu em Torres Vedras em 1938. Desde muito novo dedicou-se à música, pois apenas com 12 anos de idade já fazia parte da Banda da Sociedade Filarmónica Ermegeirense. Aos 18 anos ingressou na Banda de Música do Regimento de Infantaria 1, onde alcançou o posto de Sargento músico, assim como, também, o de Oboé Solista da referida Banda.
Em 1966, foi colocado em Lourenço Marques, para fazer parte da Banda Militar de Moçambique, tendo sido durante a sua permanência o solista de Oboé. Nesse período fez parte das Orquestras do então Rádio Clube de Moçambique e da Orquestra Cívica de Lourenço Marques, como oboísta principal.
Em 1975, regressou ao Continente, sendo colocado na Banda do R.I.O.Q. Foi convidado para fazer parte da Orquestra Ligeira do Exército, como oboísta, integrando-a a partir de 1977. Durante a sua permanência na referida Orquestra, exerceu ainda o cargo de director artístico, durante cerca de um ano e meio.
Em Abril de 1985, já com o posto de Sargento-chefe Músico, foi colocado na cidade do Funchal, para chefiar interinamente a Banda de Música da Zona Militar da Madeira. Em Dezembro de 1986, terminou a sua missão de serviço na Zona Militar da Madeira, sendo colocado na Banda de Música do Exército, como oboísta principal e passando a integrar o corpo docente dos Cursos de Sargentos e Sargentos-chefes Músicos. Leccionou várias disciplinas, tais como a Formação Musical e Composição, situação que se manteve até à sua passagem à reserva, em Agosto de 1988.
Actualmente, dirige a Sociedade Filarmónica Ermegeirense, encontrando-se radicado em Torres Vedras, onde se dedica também à Composição para Bandas Filarmónicas.

 
 
 
Copyright ©2004-2019 Lusitanusensemble.net - Todos os direitos reservados
Todos os preços expostos incluem IVA à taxa legal em vigor.
Desenhado por DigiXXI